5 de set de 2009

Suicídio e;


Essa velha personalidade transparente aos olhos das pessoas invalidas nesse mundo já está cansada de viver todo esse inferno. Esse gerenciamento do desperdício não está sendo executado corretamente. eGRANDE MERDA; ninguém vai entender e eu não irei querer explicar tudo para todos. Apenas precisava escrever isso aqui, para eu não ter que ficar martelando isso na minha mente. Mas talvez alguém pudesse me ajudar, eu sei que pode. Basta querer, basta dar certo. Putz, querer não é poder; eGRANDE MERDA²! Sinto sua falta e ninguem pode ver; eGRANDE MERDA³! E NÃO, eu não irei me suicidar. Prezo/amo/valorizo muito a minha vida, e não sou eu que irei acabar com ela pelo simples fato de não ter tudo o que (lê-se: quem) eu precisava aqui comigo.



By Marcos Volk.

Um comentário:

Tobias de Melo" disse...

Desculpa, mas não entendi as primeiras frases.

Entretanto, as demais linhas retratam uma situação normal na vida de todo mundo, e nenhum comentário ou ajuda de um 'estranho' poderá lhe ajudar.

Só há um, sábio o suficiente para lhe dar a repostas às suas perguntas e satisfazer - ou não - seus desejos atuais ....

o Tempo.

Abraço.
Viver é amar, sem vida não se ama, em vida, ama-se cada dia a possibilidade de sentir o amor.